HOMENS QUE ENGANAM OS CORAÇÕES DOS INOCENTES | Ministério Graça sobre Graça

 

  HOMENS QUE ENGANAM OS CORAÇÕES DOS INOCENTES

HOMENS QUE ENGANAM OS CORAÇÕES DOS INOCENTES

Por Cristiano França

 

“Porque os tais não servem a Cristo nosso Senhor, mas ao seu ventre; e com palavras suaves e lisonjas enganam os corações dos inocentes.” (Romanos 16:18)

 

Um dos males que atingem grande parte da sociedade é a falta da busca pela informação e pelo conhecimento. Há até um bordão aqui no Brasil que diz: “Se tem cerveja, futebol e carnaval, está tudo bem para o brasileiro”. E de fato, lamentavelmente, sou obrigado a concordar, pois boa parte do povo aqui em nosso país — e acredito que não só aqui — só se preocupa com festas, diversão, bebedeira, assistir a programas inúteis na tevê etc. Com isso, os resultados das urnas a cada dois anos são quase sempre verdadeiros DESASTRES, com políticos conhecidamente corruptos, que nunca fizeram nada de concreto pelo povo, sendo eleitos e reeleitos em todas as eleições. O resultado disso: temos um sistema de leis terrivelmente obsoleto, uma das maiores cargas tributárias do mundo (e sem que tenhamos o retorno equivalente nos serviços públicos oferecidos), muitos desvios de verbas públicas, entre outras aberrações administrativas nas três esferas de governo. 

 

O que ocorre no meio religioso é semelhante ao que acontece na política: as pessoas pouco se importam com o conhecimento; com isso, os “lobos devoradores” (Mateus 7:15) estão por aí cada dia mais ricos e o povo cada vez mais pobre e ignorante. E esta falta de interesse pelo conhecimento traz à tona terríveis consequências para o povo que se diz de Deus:

 

“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei...” (Oséias 4:6)

 

O que mais tenho visto ao longo dos meus anos pregando a Mensagem da Graça são pessoas rejeitando a Palavra, preferindo as tradições de suas denominações a receberem a direção do Espírito que vem do que está escrito. E o curioso é que o próprio Jesus de Nazaré — que os religiosos dizem seguir — deixou o alerta:

 

“Disse-lhes ainda: Bem sabeis rejeitar o mandamento de Deus, para guardardes a vossa tradição. (...) E assim invalidastes a palavra de Deus por causa da vossa tradição.” (Marcos 7:9; Mateus 15:6)

 

Esta falta de interesse pela Palavra traz uma ingenuidade que é negativa para o povo. E os amantes de seus próprios ventres (que não servem a Cristo, como Paulo disse no versículo inicial deste texto) se aproveitam da inocência do povo para enriquecerem e criarem verdadeiros impérios financeiros e até políticos. Esses malditos são as verdadeiras “hostes espirituais da maldade” (Efésios 6:12) que estão por aí levando as pessoas à destruição de suas próprias vidas.

 

Se observarmos com atenção, veremos que uma pessoa que dá, por exemplo, mais de cento e cinquenta reais em um par de “meias abençoadas” toma esta decisão por pura ingenuidade. Quantos são os testemunhos negativos de pessoas que deram carros e até casas (patrimônios de grande vulto) não por direção de Deus, mas por pura manipulação de sua fé! Inclusive, um desses testemunhos que recebi foi drástico: um casal abençoado, manipulado pelo sistema, deu dois carros e sua casa própria para uma dessas denominações e depois acabaram abandonados pelo tal “pastor”, chegando ao ponto de passarem por necessidades terríveis e até fome. E fatos como como este não são isolados. Ao contrário. São muito recorrentes e ocorrem por todo o mundo, especialmente no Brasil, onde as pessoas, devido ao misticismo crônico que há por aqui, são levadas a crer em várias coisas que nada têm a ver com a Palavra da Verdade.

 

Nós que já tivemos o privilégio de conhecer a revelação Graça de Deus temos o grande dever de levar este Evangelho ao mundo, a fim de libertar aqueles que ainda estão cansados e oprimidos por este sistema maligno e manipulador. Vamos dizer um ensurdecedor NÃO à toda inocência que vem pela falta de conhecimento.

 

 




Voltar