É POSSÍVEL SER UM SALVO MESMO SEM CRER? | Ministério Graça sobre Graça

 

  É POSSÍVEL SER UM SALVO MESMO SEM CRER?

É POSSÍVEL SER UM SALVO MESMO SEM CRER?

Por Cristiano França

(Instagram: cfeleito)

 

“Porque pela Graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie.”  (Efésios 2:8-9)

 

O texto bíblico acima é muito claro: a nossa Salvação é pela Graça, sem qualquer participação de nossos méritos (obras), e ela ocorre por meio da fé. Neste caso, como compatibilizar esta afirmação com a reconciliação ocorrida na cruz, onde fomos salvos muito antes mesmo de nascer e, claro, de crer? Para respondermos a esta pergunta vamos compreender este mistério:

 

“Isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens os seus pecados; e pôs em nós a Palavra da Reconciliação.” (2ª Coríntios 5:19)

 

“Pois assim como por uma só ofensa veio o juízo sobre todos* os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a Graça sobre todos* os homens para justificação de vida.” (Romanos 5:18)

 

Na Sua morte o Senhor Jesus reconciliou todos os Seus incontáveis eleitos, harmonizou-Se novamente com Sua Criação e trouxe a Graça sobre todos os Seus. Sendo assim, da mesma forma que ninguém precisou de qualquer coisa para receber automaticamente os resultados do que Adão fez (maldição, pecado, condenação etc.), nós — os muitos eleitos — não precisamos de coisa alguma, nem fazer o que quer que seja, para que as consequências da Obra de Cristo nos cobrissem.

 

O fato de todos os escolhidos desde antes da fundação do mundo terem sido reconciliados por Cristo nos garante que todos os filhos de Deus neste Novo Pacto, independentemente da religião que participam, se creem ou não, enfim, independentemente de quaisquer circunstâncias, já nasceram salvos sempre salvos. É claro que para um religioso, que acredita que precisa “lutar para ser salvo”, “aceitar a Jesus” e tantas outras heresias, isto soa quase como uma afronta. Mas, não importa o sentimento religioso; o fato é que estas verdades não podem ser mudadas. Contudo, a Bíblia fala que a Salvação é por meio da fé. Sendo assim, parece que estamos em um beco sem saída. Afinal, se é por intermédio da fé, como alguém que ainda não crê no Evangelho pode ser um salvo?

 

O primeiro ponto que necessitamos entender é que todo filho possui o dom da fé; ou seja: todo eleito de Deus, mesmo que ainda não creia, tem a capacidade de crer em seu interior.

 

“Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.” (Romanos 12:3)

 

Alguns podem interpretar que este “cada um” se refere a quem já creu. Mas, não tem lógica pensar que o dom da fé vem depois do crer. É como dizer que alguém tem a capacidade de enxergar sem ter recebido antes os olhos...

 

Se levarmos em conta todo o contexto bíblico, veremos que neste texto Paulo se refere, sim, a todos os eleitos — mesmo os que ainda não creem — pois, para uma pessoa crer, ela precisa, necessariamente, ter antes a capacidade para isto. Em outras palavras, só consegue crer quem recebeu, de antemão, a medida da fé (Atos 13:48). Veja este exemplo:

 

“Mas vós não credes porque não sois das minhas ovelhas, como já vo-lo tenho dito. As minhas ovelhas ouvem a minha voz...” (João 10:26 e 27)

 

Jesus disse aqui, em outras palavras, o seguinte: “Só tem condições de crer e me ouvir quem é ovelha. Os que não são ovelhas não podem crer”. Ou seja: para crer é preciso que haja antes a capacidade inata que vem de Deus (e que só os filhos têm), a saber, o dom da fé.

 

Em segundo lugar, é importante entendermos que a Salvação se manifesta de formas diferentes nos elementos do homem (espírito, corpo e alma). No espírito, todo eleito já está salvo eternamente, pois todos nós já estamos convergidos em Cristo (Efésios 1:10); no corpo, todos seremos transformados quando deixarmos esta vida terrena e teremos o corpo glorificado prometido; assim, a manifestação da Salvação que necessita da fé ativada pela Palavra (Romanos 10:17) é a que acomete a nossa mente (alma), no aspecto do conhecimento, nesta atual dispensação terrena.

 

Em suma: quando uma pessoa ouve o Evangelho genuíno, crê e confessa Jesus Ressuscitado ela passa a ter a sua mente salva (o entendimento) e se torna apta para servir em espírito e em verdade e angariar o seu Galardão. Porém, antes mesmo de crer ela já era salva eternamente pela morte de Cristo. Isto se chama Graça.

 

(* “Todos” em Romanos 5:18 se refere às etnias — ou seja, judeus e gentios).

 







Voltar